Blog Siegel Press

Diferenças entre mídias sociais e redes sociais

As mídias sociais são meios de comunicação livres onde qualquer pessoa pode publicar conteúdo e a forma de se comunicar é totalmente interativa. Os exemplos mais conhecidos de ferramentas de mídias sociais são os blogs, que compartilham conteúdo, Youtube, maior site de compartilhamento de vídeos do mundo, SlideShare, compartilha apresentações, Vimeo, também compartilha vídeos, e Twitter, microblog.

Redes sociais são ambientes que reúnem pessoas de forma não estruturada e não hierárquica, que visa o compartilhamento de informações e objetivos em comum. Tanto o conceito de mídias sociais quanto o de redes sociais foram criados antes da Internet, mas é inegável o quanto a internet facilitou a sua propagação, com o surgimento de pessoas e empresas que criaram os sites de relacionamentos, hoje chamados de redes sociais.  Os exemplos mais conhecidos de redes sociais são o Facebook, maior rede do mundo, Orkut, já teve grande destaque mas hoje está presente somente em alguns países e MySpace, rede voltada para personalidades mas que também perdeu muitos usuários para o Facebook.

As redes sociais são um dos tipos de mídias sociais já que as redes também possibilitam a criação de conteúdo de forma não regulada.

Com a crescente promoção das mídias e redes sociais, acaba-se de vez com a centralização e controle das informações na empresa e fora dela, e inicia-se o processo de livre comunicação. Neste contexto, o que pode influenciar na construção (ou destruição) da sua marca pessoal e da própria organização será a maneira como compreende e lida com estes meios. Se a empresa precisa exercer influência através das mídias e redes sociais deve aproveitar todas as oportunidades para compartilhar conhecimentos e práticas, trocar boas experiências, estimular o diálogo ou divulgar informações de utilidade pública. Para tanto, é necessário traçar um planejamento minucioso e segui-lo a risca.